Voltar

APDL apresenta Plano de Formação para 2021 oferecendo formação com equipamentos de simulação sofisticados

A Administração dos Portos do Douro, Leixões e Viana do Castelo (APDL) apresentou, esta quarta-feira, no seu Centro de Formação, o Plano de Formação para 2021.

A apresentação, realizada em formato digital, contou com a participação de mais de 40 participantes de várias entidades, designadamente, portos nacionais dos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP); empresas do setor; Comunidade Portuária; IEFP – Instituto de Emprego e Formação Profissional; entre outros.

 

Na iniciativa foi apresentado o "Núcleo de Simulação", uma unidade que permite recriar qualquer contexto marítimo-portuário em situação de prática simulada, com recurso ao Simulador Visual de Navegação e Manobra de Navios, um equipamento que permite o treino de manobras em qualquer porto do mundo e com diferentes condições meteorológicas. 

 

O Núcleo de simulação integra também equipamentos para a simulação de operação de movimentação de carga com guindastes, pórticos, empilhadores e gruas.

 

Esta aposta na formação implicou um investimento superior a 1,6 milhões de euros, o que coloca o Centro de Formação da APDL na vanguarda da formação portuária e possibilita o treino e a formação contínua de pilotos, mestres de rebocadores, oficiais da marinha mercante e de tripulações de embarcações marítimo-turística, através do teste e simulação de navegação em portos e vias fluviais e de operações de transportes de carga.

 

"A APDL tem vindo, ao longo dos anos, a apostar na oferta formativa e na qualidade e inovação dos equipamentos presentes no Centro de Formação. Esta visão está patente no reconhecimento que nos é atribuído por parceiros de outros grandes portos europeus e PALOP que pretendem que os seus colaboradores venham a ser formados em Leixões", adianta Nuno Araújo, presidente da APDL.

 

O Plano de Formação contempla um conjunto de ações de formação profissional e seminários, presenciais ou à distância, concebidas de acordo com o diagnóstico previamente elaborado, e ainda com a possibilidade de realização de estágios integrados nas respetivas ações de formação.

 

Consulte aqui o Plano de Formação 2021

 

Conheça o Núcleo de Simulação aqui